sábado, 10 de agosto de 2013

Ainda há esperança...

Abro minha primeira postagem aqui no Papo Alvinegro depois de mais um resultado ruim para o ABC.

O empate com o rival no Barretão fez com que a diferença para a gente sair do Z4 aumentasse para nada mais nada menos que oito pontos. Número que é o mesmo conquistado por nós em quatorze partidas disputadas. Uma vergonha para um clube da grandeza do ABC.

No entanto, amigos, apesar de mais um jogo sem vitória, eu ainda tenho esperanças que o ABC possa sair da temida zona de rebaixamento. A chegada de Roberto Fernandes, que é um profissional sério e com pulso firme, pode motivar os atletas a começarem a jogar bola. E sim, eu sei que o problema não é treinador, é o time, mas Bob Gel com certeza deve indicar alguns nomes para a diretoria.

No jogo de hoje (10), fomos melhores no segundo tempo. Tivemos mais chances de gols e fomos infinitamente superiores ao adversário. No entanto, a incompetência dos nossos jogadores de meio-campo e ataque mais uma vez não nos deu a vitória. E vale ressaltar que jogamos com um à mais durante os 18 minutos finais da partida.

Você pode achar que sou maluco em ainda ter esperanças num time que conquistou oito pontos de 42 disputados, mas os próximos três jogos do ABC vão definir se seremos rebaixados ainda no primeiro turno, ou se ainda teremos forças para lutar contra a degola.

Pegaremos Icasa, Figueirense e ASA nos jogos seguintes, além do Avaí e do América Mineiro. Destes, os dois nordestinos e o Avaí serão fora de casa, enquanto Figueira e América nós enfrentaremos no Frasqueirão. Teste de fogo contra Icasa e ASA, dois clubes que certamente brigarão contra o Z4 até o final do Campeonato. Vencendo pelo menos um destes dois, e adquirindo os resultados positivos contra Figueira e América em casa, poderemos entrar vivos no segundo turno.

O problema é que não podemos esquecer que os concorrentes também entram em campo, e nossa torcida deve ser dupla à cada rodada. A situação é difícil, complicadíssima, mas devemos nos manter com esperanças pelo menos até o final deste primeiro turno. É o que penso!

Nenhum comentário: