quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013

Fim dos clássicos na última rodada do Brasileirão

Por decisão dos CBF juntamente com os clubes (11 a 8), ficou acordado que as duas últimas rodadas do Brasileirão não serão mais somente de clássicos. Com isso, eles voltarão para o meio da tabela.

Esse regulamento foi usado somente no campeonato dos dois últimos anos. Dentre as justificativas pra mudança estão as questões da organização segurança (pois ocorrem 2 jogos na mesma cidade) e também os interesses da Tv, para distribuir melhor os jogos em busca de mais audiência (lembrando que na última rodada, todos os jogos acontecem ao mesmo tempo).
 
Sinceramente, os clássicos ocorrendo na penúltima e última rodadas foram o que deram a graças aos dois últimos campeonatos. Foi o que realmente levou emoção à disputa em sua reta final. Quer ver?
 
Pudemos ver o Flamengo eliminar as chances do Vasco-da-Gama ser campeão em 2011, o Palmeiras podia também melar a festa do Corinthians no mesmo ano. O Atlético/MG quase joga o Cruzeiro pra Série B e também vimos o Náutico "literalmente" rebaixando o Sport para Série B. Quer mais emoção que isso???? Nada melhor pra torcida do que dar uma garfada em seus maiores rivais no fim do campeonato.
 
E no ano passado, ainda tinham os torcedores dos rouges com um sonho cor-de-rosa de nos rebaixar pra Série C na última rodada e em pleno Frasqueirão. Só que não aconteceu!

O regulamento dos 2 últimos anos também evitavia as entregadas que aconteceram em campeonatos recentes. Em 2009, Corinthians e Grêmio entregaram o jogo ao Flamengo para diminuir as chances de seus maiores rivais serem campeões (São Paulo e Internacional). No ano seguinte, o Fluminense teve a ajuda do São Paulo, Palmeiras e do Guarani na disputa ponto-a-ponto contra o Corinthians.

Claramente, tudo seria evitado com uma rodada de clássicos, pois a tendência é de seu maior rival dificultar a sua vida para você não gritar campeão.

Não se sabe ainda se farão o mesmo para a Série B (mas acho que sim).

Os clubes e a CBF estão jogando fora uma grande chance de apimentar a disputa final e deixar o campeonato mais imprevisível tanto na parte de cima quanto na de baixo da tabela.

Breno Cardoso
 
Acessem:

2 comentários:

FERNANDO disse...

Respeito sua opnião,porem as rivalidades estão apimentadas além da conta e ja esta ficando muito perigoso ir ao classico. O ultimo classico do ano ja não valia mais nada e deu no deu, ja pensou se valesse alguma coisa?

Breno Cardoso disse...

Clássico é clássico e nunca será um jogo amistoso seja qual for a circunstância, mesmo que os dois já estejam subido ou rebaixados ou mesmo que seja somente para cumprir tabela...