sexta-feira, 4 de setembro de 2009

Rapidinhas da manhã (04/09/2009)

Para deixar o escriba p. da vida (1)

A dupla de ataque será mesmo 2 postes: Júnior Negrão e Selmir.

Na teoria os 2 vão ficar lá paradões, plantados na área, esperando as investidas de Bosco e Rogerinho (que são sem sombra de dúvidas as verdadeiras esperanças de gols e jogadas produtivas do time).

Ou seja, uma formação pra lá de previsível, já que falta o atacante que arme, parta pra cima e cima de garçom aos companheiros.

O ABC já começa o jogo mal-escalado pelo treinador Flávio Lopes que, adora querer duvidar da inteligência do torcedor.

Para deixar o escriba p. da vida (2)

Aliás, Flávio Lopes ainda se acha no direito de ser o dono da razão ao querer justificar as alterações erradas e fatais que fez na derrota para o Figueirense.

Diz que o momento do jogo exigia que o time não levasse uma goleada porque o saldo de gols fazia a diferença.

É meu amigo, mas de que adianta o time ter um bom saldo de gols se não tem o número de vitórias?

Me responda quem é que vai subir ou permanecer na Série B, o time que tem uma penca de empates e saldo positivo ou o time que tá com um saldo -30 mas que teve 2 ou 3 vitórias a mais?

Fica a impressão de que ele não estudou o regulamento da Série B.

Para deixar o escriba p. da vida (3)

Os ingressos só começaram a vender pouco mais de 24 horas antes do jogo.

Antes de ser um desrespeito ao Estatuto do Torcedor (que exige que a venda no mínimo comece 48 horas antes), é uma estratégia da diretoria para barrar qualquer possibilidade de promoção sugerida por torcedores e pela imprensa (p.ex., a venda de ingressos por um preço promocional).

Definitivamente, esses caras não sabem ganhar dinheiro e não merecem a torcida do ABC nem o próprio ABC.

Aposto como a renda será menor que R$ 80 mil bruto. Mesmo sendo um jogo no sábado. E o público girando em torno de 5, 6 mil pessoas.

Mas eu vou estar lá.

Diretoria pode inflacionar ainda mais o preço dos ingressos

Soube através de Marcos Lopes que o dublê de diretor de comunicação do ABC abriu em seu blog uma enquete perguntando onde o torcedor prefere que seja realizado o jogo ABC x Vasco.

Se fosse somente o embate Machadão x Frasqueirão eu ficaria calado.

No entanto ele coloca na referida enquete (SIC) a alternativa "Frasqueirão com o preço majorado".

Ou seja, há uma insinuação de que a diretoria está propensa a aumentar o preço dos ingressos do referido jogo.

E se aumentar eles não baixam nunca mais. Vira fato consumado e a partir do ABC x Vasco, o ingresso poderá atingir um preço absurdamente inviável para a população mais carente.

E não duvidem que o referido dublê de diretor seja capaz de manipular a própria enquete para favorecer a referida opção e com isso arranjar a desculpa oficial para a mesma.

Portanto ficaremos de olho, principalmente naqueles que - sob a proteção do presidente Judas Tadeu - atuam contra os interesses da Frasqueira e do próprio ABC FC.

Gustavo Lucena

Photobucket

Nenhum comentário: