domingo, 11 de novembro de 2012

A venda dos apartamentos

Antes de qualquer coisa tenho que dizer que estou decepcionado. Algumas mascaras caíram na ultima reunião do conselho deliberativo na segunda dia 05/11, sinceramente, vários conselheiros perderam a minha confiança. A começar pela presidência.

O quorum mínimo

Qualquer decisão no ABC referente a alienação de patrimonio hoje tem que passar pela aprovação de 2/3 dos conselheiros. O que obrigou aos conselheiros da base de apoio a Rubens Guilherme, que carinhosamente apelidei de CC(conselheiros coniventes), buscar através de procurações os votos necessários para autorizar a venda dos 10 apartamentos Ecocil Eco Garden.

Para que a decisão fosse considerada valida, o CC teria que ter em mão pelo menos entre 60 e 70 procurações dos conselheiros que costumeiramente não vão a reuniões. Chegada a hora de apurar os votos da reunião, e eles não atingiram o numero mínimo que validaria a decisão. Começou uma correria, liga pra um e para outro já na madrugada do dia seguinte para tentar completar os 4 nomes que faltavam. Conseguiram isso e a negociação foi aprovada.

O golpe eleitoral

Segundo o estatuto do Clube(Clique Aqui), conselheiro inadimplente é excluído de qualquer participação no Conselho Deliberativo, sendo destituído de qualquer função. Um numero perto de 100 conselheiros tiveram o seu debito com o ABC perdoado, o que significa o perdão de uma divida estimada de R$ 200 mil, podendo até ser mais. Sem falar nos faltosos, que também deveriam ser punidos.

Por que a Presidência do ABC exigiu a venda dos apartamentos, se acaba perdoando uma divida vultosa?
Ninguém é inocente para acreditar que segunda a feira à tarde, todos os conselheiros inadimplentes foram à secretaria do clube quitar dividas de 3 anos em alguns casos.

Isso claramente terá uma repercussão eleitoral.

O motivo da venda

Não há motivo real para a venda. Eles informaram o de sempre. Salários atrasados, premiação dos jogadores, próxima temporada, etc... A conversa de sempre quando se quer decepar o patrimônio do Alvinegro sem anestesia. Para completar, alegam que como os apartamentos não foram construídos, seria melhor vende-los.

O que também chama a minha atenção é o desespero para a venda. Por que estavam tão desesperados para realizar a venda deste patrimônio? Continue lendo.

O valor

O democrático Conselho Deliberativo do ABC, através de seu Presidente Ives Bezerra, não quis informar por quanto cada apartamento foi vendido, nem para quem eles foram vendidos. Nem sequer explicou por que não foi aberto um processo de tomada de preços público, com o intuito de se conseguir o melhor valor pelos imóveis.   

A verdade

Primeiro vamos acabar com uma mentira patrocinada por todas as empresas de comunicação que cobrem o futebol. Na reunião de segunda, a venda dos 10 apartamentos foi aprovada, só que 3 deles já haviam sido vendidos na calada da madrugada a um bom tempo. Esse processo de alienação de patrimônio já vinha sendo montado a pelo menos três reuniões do conselho deliberativo. O problema é que eles precisavam oficializar a venda desses imóveis para não ter que responder por isso judicialmente mais a frente.

O valor da negociação foi de R$ 95 mil. Sendo que o valor de mercado hoje desses apartamentos é de R$ 120 mil. Quando entregue pela construtora, cada imóvel deverá chegar a marca de R$ 180 mil. 

Dá para entender o que aconteceu? Dá para entender quem comprou esses apartamentos? Dá para entender por que o CC teve tanta pressa em viabilizar a negociação?

Do Blog: Estou revendo minha posição de apoio a Rubens Guilherme. Já não se trata de um caso simples.

4 comentários:

Renato Vasconcelos disse...

Muito sério isso amigo. sou sócio adimplente e estou apto a votar em dezembro. temos que ficar esperto!! ABC SEMPRE!!

Diego Ivan disse...

ABC grande

Gustavo Lucena disse...

É o processo de americanização do patrimônio do ABC. Impressiona comoa situação de desfazimento do patrimônio é similar.

Luciano disse...

Tb sou sócio adiplente e estou apto a votar em dezembro. Realmente o Sr. Rubens Guilherme vem perdendo toda a minha confiança há muito tempo e essa palhaçada da venda desses apartamentos é a gota d'água. Espero que pelos menos uma ou duas chapas de oposição sérias estejam disponíveis no dia da eleição.