quarta-feira, 17 de agosto de 2011

Esbaforido

O ABC adicionou mais um empate a seu cartel impressionante na Série B. O resultado foi de 2 a 2 com o Barueri, gols de Leandrão e Rômulo para o ABC e para o Barueri marcaram Pedrão e Diego. Com o resultado o Alvinegro agora é o 9º colocado, a quatro pontos do G4 e a quatro pontos do Z4.

Quem foi ao Frasqueirão certamente ficou preocupado com mais um empate da equipe ABCdista. Ficou também muito mal impressionado com a queda de rendimento da equipe, que aos 30minutos do segundo tempo já estava meio time pregadaço. Alguns dirão que foi pela viagem Curitiba/Natal e a falta de tempo de recuperação, outros dirão que o jogo com o Barueri foi muito movimentado, eu não sei o que dizer. Talvez o fato de alguns jogadores participarem de todos os jogos noventa minutos seja a explicação. Agora, o que realmente preocupa é saber que o Alvinegro terá dificuldades em jogar num ritmo mais puxado, coisa que não é regra mas é comum em jogos da Série B. 

Mas gostei do que vi em alguns momentos. Já digo logo que não vi esse 3-5-2 no inicio do jogo, Guto Ferreira armou a equipe da mesma maneira que Leandro Campos. Agora, no decorrer do jogo o treinador mostrou a que veio. Tirou quem tinha que tirar, mexeu onde o Alvinegro precisava.

A substituição de Marcos Vinicius aos 25 minutos do primeiro tempo e a de Pio no intervalo, mostrou a insatisfação do treinador com o desempenho apenas regular desses dois. Coisa que eu sempre afirmei aqui, apesar de Pio ter algumas noites inspiradas.

O 3-5-2, tão propalado por cronistas esportivos, somente surgiu quando Rômulo pediu substituição. O treinador tirou Rômulo, que correu o campo todo e colocou o zagueiro Max formando a defesa com Alessandro e Leonardo. Com Max pela esquerda e Alessandro pela direita, ambos ajudando na saída de bola.

A chave do jogo para o Barueri certamente foi o lado direito da defesa ABCdista, onde nas costa de Pio saíram os gols do time paulista. Além disso, a marcação na saída de bola causou alguns danos ao ABC.

A chave do jogo ABCdista mais uma vez foi Cascata, que chamou o jogo para si em uma partida em que Renatinho, Pio e depois Nego em nenhum momento apareceram como deveria. Cascata deu passe para a tentativa de gol de Geilson e gol de Leandrão no rebote. Jogadinha que se repetiu algumas vezes.

Sem medo de errar, Cascata é melhor jogador dessa Série B.

Muito boa também a participação de Rômulo. Volante de uma técnica muito boa e de uma postura defensiva bastante combativa. Gostei.

O ABC volta a campo na próxima sexta-feira, quando enfrentará a Ponte Preta no Frasqueirão. O jogo começa as 20:30hs.

Ficha técnica

Local: Estádio Frasqueirão, Natal/RN.

Árbitro: Charles Hebert Cavalcante Ferreira (AL).
Assistente 1: Wladson M. Silva de Oliveira (AL).
Assistente 2: Griselildo de Souza Dantas (PB).

ABC(2): Welligton; Pio (Nêgo), Leonardo, Alessandro Lopes e Renatinho; Rômulo(1) (Max), Marcus Vinicius (Ricardo Oliveira), Makelelê e Cascata; Leandrão(1) e Éderson. Técnico: Guto Ferreira.

Barueri(2): Juninho; Daniel Marques, Diego Giaretta(1) e Edson Borges; Marcos Pimentel, Anselmo, Alê, Marcelinho (Gil) e Zé Carlos (Junior Guerreiro); Pedrão(1) e Val Baiano (Alex Maranhão). Técnico: Estevam Soares.

Nenhum comentário: