quinta-feira, 2 de junho de 2011

Cartuchos na mão

Ok, Leandro Campos vai manter o time que enfrentou o Salgueiro. Seria querer demais Leandro surgir com três ou quatro alterações no time de um jogo para o outro, sendo o jogo seguinte fora de casa. Realmente seria querer demais.

Agora durante a partida, a atuação do treinador tem que ser sentida. Não se admitirá que o ABC repita atuações como as do segundo tempo dos jogos com Bragantino e Salgueiro. Onde o Alvinegro foi uma equipe apagada e com um treinador omisso.

Se na semana de treinamentos ele aproveitou Nego e Chimba, que os use em suas melhores características. E não adianta botar os caras na podre, por que a turma percebe aquela velha tática de queimar os atletas que a galera pede.

Se tem bala na agulha é para atirar. 

Enviado por Samsung Mobile

Um comentário:

Gustavo Lucena disse...

Contra o Salgueiro aconteceu a mesma coisa com o Diego Barbosa, só entrou quando a vaca tava meio que indo para o brejo e ainda entrou no lugar de Cascata, quando a presença deste se fazia necessária justamente para ajudá-lo a dar mais consistência ao meio.