segunda-feira, 28 de dezembro de 2009

ABC contrata Superintendente de Futebol Profissional

O Mais Querido acaba de confirmar o acerto com Ricardo Moraes para assumir o cargo de Superintendente de Futebol Profissional e Categorias de Base do clube. O novo profissional Alvinegro fechou contrato e se apresenta ao ABC ainda esta semana, no próximo sábado (02/01).

Ricardo Pezine de Moraes, paulista de São José de Rio Preto (SP), é formado em Educação Física e possui vasta experiência no futebol brasileiro. Na carreira, possui passagens como jogador e treinador em vários clubes do interior de São Paulo e de Goiás, além de uma passagem pelo futebol iraniano.

No ABC, Ricardo Moraes será o Superintendente de Futebol Profissional e Categorias de Base, subordinado à Vice-Presidência de Futebol, que por sua vez fica subordinada ao presidente do clube, Rubens Guilherme. Com sua chegada, Cléber Romualdo, que ocupava a Superintendência, ficará agora com o cargo de Gerente de Futebol, ligado à comissão técnica.

Confira um pouco da carreira de Ricardo Moraes:

Nome: Ricardo Pezine de Moraes - Ricardo Moraes
Naturalidade: São José de Rio Preto (SP)
Carreira como atleta: Rio Preto/SP (1988-1989), Novorizontino/SP (1990), América/SP (1991-1994), Jataiense/GO (1994), Taubaté/SP (1995-1996) e Rio Preto/SP (1997).
Carreira como Treinador/Superintendente: Bases do Palestra/SP (1997-2000), Bases do Rio Preto/SP (1999), Bases do América/SP (2001-2002), Profissional do América/SP (2002-2004), Profissional do Rio Preto (2004-2005), Profissional do Jataiense/GO (2005), Profissional do Mirassol/SP (2005), Profissional do CBBI/Irã (2005), Profissional do Rio Preto/SP (2005-2006), Profissional do Pão Açúcar/SP (2007), Profissional do Jataiense/GO (2008), Profissional do Taubaté/SP (2008), Profissional do Comercial/SP (2008) e Profissional do Araguaína/TO (2009).

Fonte: abcfc.com.br

papoalvinegro@gmail.com

3 comentários:

Gibson Azevedo disse...

Vamos cruzar os dedos e torcer que seja o homem certo para o ABC. Acho que o caminho é este. Ou seja, no sentido contrário ao da improvisação e do amadorismo estéril.
Abraços.

Anônimo disse...

Já tem gente da "imprensa" (Pedro Neto, na Rádio Globo ontem à tarde) dizendo que Ricardo não é supervisor, é treinador e o ABC o contratou para fazer sombra ao Didi Duarte, e no primeiro tropeço do Didi, o Ricardo vai substituí-lo como técnico do ABC!!! Ou seja, JÁ TEM NEGUINHO NA MÍDIA QUERENDO CONTURBAR o ambiente no Mais Querido!!! (Assino o Comentário: Fábio Castelo Branco de B. Guerra).

Diego Ivan disse...

Amigos, certo é que muita coisa já mudou e mudará ainda mais no ABC. Se o resultado dessas mudanças será bom, só o tempo dirá.

Fiquei, preocupado com essa indicação do Superintendente de Futebol. O cara não é conhecido como coordenador de nada, aparentemente o ABC será a sua primeira vez fora das quatro linhas. Antes disso ele só havia sido jogador e técnico.

Vamos dar tempo ao tempo.