quarta-feira, 17 de setembro de 2014

Zé Teodoro está desgastado, jogadores de corpo mole e interventores politicando

O ABC perdeu em casa para a Ponte Preta por 2 a 0 no Arena das Dunas, gols de Alexandro e Renato Caja. O ABC agora é o 13º colocado, cada vez mais perto da zona de rebaixamento.

Acredito que a responsabilidade de mais um péssimo jogo do ABC na Série B não pode ser creditado apenas ao treinador Zé Teodoro, grande parte sim, mas também aos jogadores e a direção do clube.

Zé Teodoro deveria ter caído logo após a eliminação na Copa do Brasil para o Novo Hamburgo no dia 30/07. Não caiu, treze dias depois o ABC empata com a Portuguesa em casa somando três derrotas e um empate na sequencia pela B. Não caiu, milagrosamente o ABC consegue sucesso no STJD, volta a Copa do Brasil, passa pelo Vasco na fase seguinte e isso deu folego ao treinador Teodoro. Desde a eliminação do ABC para o Novo Hamburgo já se passaram 49 dias, e de lá para cá o Alvinegro não mostrou futebol qualificado em nenhum momento. Mesmo vencendo o Ceará fora de casa, ou mesmo vencendo o Santa Cruz em casa, o futebol Alvinegro é feio e não tem resultado. As péssimas decisões do treinador, tanto na escalação ultra defensiva em alguns jogos, quanto as alterações nos jogos só demonstram que Zé Teodoro está absolutamente perdido. 

Os jogadores também têm parcela de culpa, já que alguns deles estão jogando muito mal, principalmente nos últimos jogos. Isto é influencia, em menor quantidade, do péssimo trabalho do treinador ABCdista, a coisa é feia. Que pós-copa de lascar. 

Para finalizar, a direção. A direção do ABC precisa agir o mais rápido possível. Desde os fujões, presidente e vice, até os interventores que hoje comandam o futebol Alvinegro. Esses últimos precisam descer do palanque político e assumir as rédeas da situação. O time precisando de reforços desde o início da competição, em diversos setores, e a direção interventora sem dar satisfação a torcida. Alguns jogadores que tecnicamente não correspondem ainda persistem no elenco de profissionais, enquanto um zagueiro é escalado na lateral esquerda, e o time cheio de volantes marcadores. Concordo que é difícil mexer no grupo de jogadores, mas algo precisa ser feito.

O certo pessoal é que o ABC definha a olhos vistos. A Ponte tem um bom time, mas venceu sem jogar nada.

O ABC na próxima rodada enfrenta o Sampaio Correia no Maranhão. Jogo será sábado as 16:10hs no Castelão.

Ficha Técnica


ABC 0X0 PONTE PRETA
GOLS: PONTE – Alexandro e Renato Caja. 

Local: Arena das Dunas, Natal/RN.

Árbitro: Diego Almeida Real – RS.
Assistente 1: Jorge Eduardo Bernardi – RS.
Assistente 2: Lucio Beiersdorf Flor – RS.
4º Árbitro: Leandro Saraiva Dantas de Oliveira – RN.

ABC: Gilvan(Camilo), Diego Jussani, Marlon e Samuel; Marlon, Fábio Bahia, Daniel Amora, Rogerinho e Somália(João Henrique); Denis Marques(Rodrigo Silva) e João Paulo. Técnico: Zé Teodoro.

Ponte Preta: Roberto, Juninho, Tiago Alves, Gilvan e Bryan (João Paulo); Fernando Bob, Cafu, Adilson Goiano (Rodnei) e Renato Cajá; Alexandro e Thomás (Roni). Técnico: Guto Ferreira.

Nenhum comentário: