quarta-feira, 26 de setembro de 2012

Papelão

O ABC empatou com o ASA por 1 a 1, gols de Audálio para o ASA e Adriano Pardal de pênalti para o ABC. Com o resultado, o Alvinegro torcer para que a continuação da rodada ajude na manutenção da equipe longe do Z4.

É impressionante a irregularidade do ABC nesta Série B. Impressiona, mesmo que todos saibam que isto é característico deste time. Não se faz uma sequencia de bons jogos de maneira nenhuma. Eu venho batendo nessa tecla aqui, mas parece que isso vai além das coisas banais do futebol.

O ABC é um time que depende de suas principais peças para tudo. Depende do Cascata, do Minhoca, do Boaventura, do Ederson e do Renatinho. Isso por que as demais peças do time apenas apresentam um desempenho regular, nem mesmo oscilam. É o caso de Pedro Silva, do Vinicius, do Serginho e Bileu. 

Quando pelo menos dois bons jogadores conseguem jogar bem ao mesmo tempo, o ABC consegue ter um desempenho melhor. O problema é que dificilmente eles jogam bem juntos. Minhoca incrivelmente errando muitos passes prejudicando a saída de bola. Cascata sem receber bolas onde gosta, voltando para buscar jogo e errando muito. Adriano Pardal cruzando na hora de chutar e chutando na hora de cruzar. Renatinho apagadissimo, se fez duas jogadas foi muito. Depender dos demais jogadores para criar jogo é espera a morte da bezerra. 

Se o jogo ontem foi ruim, muito em função da marcação do ASA, a verdade é que aparentemente Ademir Fonseca não mexeu bem no jogo. Não estou falando da substituição de Cascata, mas principiante com a insistência com Bileu. Esse jogador não é nem sombra do que já foi no ABC, perdeu completamente a confiança em seu futebol. A insistência com Bileu na saída de bola é simplesmente a principal falha do ABC na temporada. Ademir tem que corrigir isso. As modificações de Ademir se provaram ineficazes, apenas na ultima, quando ele tirou Bileu e colocou Rodrigo Silva, é que o Alvinegro começou a ter mais presença de área e chances de gol. A saída de Cascata e a entrada de Raul somente modificaram os nomes, taticamente o ABC ficou quebrado em campo. 

Do mesmo jeito que é irregular o ABC é imprevisível, por isso não me surpreenderia que numa sequência complicada de jogos o Mais Querido pode somar pontos. O que não pode é se repetir o jogos como esse, em mais um papelão em pleno Frasqueirão.

O ABC tem dez dias para se preparar, o adversário é o Vitoria/BA, líder da B. O jogo é sábado 06/10 as 16:00hs. Para este jogo estarão fora o Adriano Pardal(contrato), Bileu(suspenso) e Vinicius(suspenso). 

Ficha Técnica

Local: Estádio Frasqueirão, Natal/RN.

Árbitro: Rodrigo Batista Raposo (DF).
Assistente 1: Marcos da Silva Brígido (CE).
Assistente 2: Arnaldo Rodrigues de Souza (CE).
4º árbitro: Leandro Saraiva (RN).

ABC(1): Andrey; Pedro Silva, Flávio Boaventura, Vinícius e Renatinho; Serginho, Bileu (Rodrigo), Cascata (Raul) e Walter Minhoca; Adriano Pardal(1) e Éderson (Diego). Técnico: Ademir Fonseca.

ASA(1): Gilson; Osmar, Fabiano, Silvio, Thallyson; Audálio(1)(Jorginho), Cal, Lucas, Didira (Valdívia) Alexsandro (Davi Ceará) e Lúcio Maranhão. Técnico: Nedo Xavier.

Nenhum comentário: