quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012

A incompetência veste encarnado

No exato momento em que se passa a decisão entre ABC e o rival, muitos torcedores ficaram privados de ver o jogo porque o todo-poderoso da diretoria encarnada vetou a transmissão do jogo p/ Natal, tudo porque eles tiveram prejuízo de bilheteria e o estádio em Goianinha está esvaziado (segundo Bruno Giovanni, cerca de 3500 torcedores estão presentes).

Isso só retrata a total incompetência dos encarnados em gerir futebol, incompetência que não se reflete apenas no fato de estarem 9 anos sem ganhar nada.

A incompetência reflete na escolha de Goianinha como sede após a demolição do Machadão.

Pode também ser vista na ingenuidade em acreditar que o Poder Público antes de botar o Machadão abaixo daria um estádio novinho em folha de mão beijada em Natal.

Se houvesse um dirigente de visão nas hostes encarnadas, ainda em 2009, após tomarem ciência de que o Machadão estaria com os dias contados, ele teria "adotado" o JL ou um estadinho acanhado qualquer em Natal ou Parnamirim e faria uma reforma a toque de caixa para abrigar os seus jogos.

Com um estádio mais próximo e mais central (comparando-se com Goianinha claro), certamente o jogo de hoje estaria lotado e não haveria esse problema de abrir a transmissão p/ Natal.

Conheço torcedores dos encarnados que sempre foram frequentadores assíduos do clube mas que só foram a Goianinha 1 ou 2 vezes. Ou seja, não tem fanatismo que de jeito para o cara encarar 50km de BR a noite.

Mas a TV União - detentora dos direitos de transmissão - tem culpa no cartório porque quer fazer tudo na abnegação, e hoje abnegação não basta. Tem que desembolsar grana, se articular p/ obter dos patrocinadores verbas mais polpudas p/ calar a boca de uma dúzia de bocós que se acham donos do mundo e com isso transmitir todos os jogos, independente da localidade.

Gustavo Lucena

2 comentários:

Edilson Pinheiro disse...

Amigo, pois eu assisti em casa, Tem muito torcedor reclamando por não ter havido transmissão do classico, mas eu assisti pela tv união, em Cobé, 35 km de Natal.

Anônimo disse...

Acho um desrespeito para com o assinante da cabo. TV fechada, nem todos podem pagar. Quem pode, deveria ser respeitado como assinante.E tem mais uma coisa, a qualidade dos "PROFISSIONAIS" que narram, comentam e fazem reportagens, é brincadeira né? Vendo o tape no outro dia, percebi o quão é repetitivo o comentarista e o quão são displicentes o narrador e o repórter de campo. Na hora do gol, o narrador não soube dizer quem fez. Algum tempo depois, o repórter "apurou" quem marcou e disse ao narrador.Todo cartão amarelo do jogo, eu vi em casa e muito depois é que eles falavam. não tem concorrência, só dá nisso.