sábado, 26 de novembro de 2011

Confirmada a permanência, é hora da faxina

O ABC veneu com relativa facilidade o Americana por 3x1, com uma atuação de gala de Jérson, Leandrão e Cascata.

Mesmo com um sufoco inicial do time paulista, que dominou o primeiro tempo, o Mais Querido cresceu no 2º tempo e consolidou sua manutenção na Série B.

Passado o entusiasmo (?) da permanência, agora é hora da vassoura entrar em ação.

Leandro Campos está mantido no cargo, porém muitos vícios precisam ser resolvidos.

É sabido que dificilmente os jogadores mais qualificados do Mais Querido (Lins, Cascata, Jérson e Leandrão) permanecerão, todos têm propostas dos centros mais ricos ou até mesmo do futebol estrangeiro.

Como o ABC disputará uma competição pobre e pouco atraente (Estadual), o melhor é deixar para se reforçar com força quando começar a Copa do Brasil.

O ideal seria iniciar 2012 com um time caseiro e as contratações serem feitas de maneira paulatina, sem precipitação. O momento é de buscar investir em jogadores a baixo custo para quem sabe conseguir ganhar uns trocados no futuro.

O Estadual do RN tem um nível técnico fraco, por isso é melhor deixar para abrir os cofres em um momento posterior.

E Leandro Campos precisa urgentemente se reciclar, deixar de ser teimoso a ponto de criar revolta nos torcedores.

E a Diretoria tem que dispensar os pernas-de-pau que tanto causaram desgosto e fazer um controle mais rígido nas contratações.

Gustavo Lucena

Nenhum comentário: