terça-feira, 2 de agosto de 2011

Tão querendo que o ABC adote uma criança

Recomeçou a campanha “melhor pro futebol do RN”. Me arrepio todinho quando algum decano da imprensa potiguar profere esta bobagem. Principalmente por que quando o Alvinegro precisa de alguma ajuda, ninguem lembra dessa frase. E de arrasto, mais uma vez estão querendo inverter uma situação em que o ABC não tem nenhuma responsabilidade. Afinal de contas questões como a falta de um Estádio de futebol na capital e o conseqüente aluguel do Frasqueirão, só existem por que tanto o poder publico, quanto os clubes envolvidos foram omissos ao tratar do tema. 

O ABCdista amargou alguns anos de fila por construir seu patrimônio, fez muitos sacrifícios e agora começa a colher frutos desse esforço. 

Será que o ABC é o culpado nessa questão? Claramente não. E vejam bem que eu não citei entrevista do ex-presidente de um dos clubes, na época presidente, como argumento. Entrevista em que esse desqualificado, usando de sua qualidade, se refere ao Estádio Maria Lamas Farache como lamão. 

Minha opinião sobre o alugar ou não aluga:

Na verdade não mudou, continuo achando que se for financeiramente viável, o ABC tem mais é que ganhar uma grana nessa historia. O que não pode é o ABC aceitar fazer filantropia nesse caso.

4 comentários:

Gustavo Lucena disse...

Alex Padang,mais ou menos na época do Octogonal da Série C 2007, ao ser acusado de estar enviando malas p/os adversários do ABC confirma o crime e diz mais: "Para o América, o melhor mesmo é ver o ABC fora de série, sem divisão para jogar, sazonal".

Se puxarmos mais para atrás, fui testemunha do Conselho Arbitral q definiu o Estadual de 2004 ou 2005. A ordem dos dirigentes rubros era que o Estadual durasse 3 meses - o ABC queria ele mais alongado - para que o ABC só tivesse calendário até no máximo abril, período em que começaria a Série B.

Por essas atitudes já é motivo bastante para dar o troco.

Não tem dinheiro no mundo que faça perdoar.

Se os dirigentes do lado de lá pensassem no futebol do RN, não teriam feito o que fizeram nos bastidores na década passada.

E foi essa atitude mesquinha que criou o clima hostil entre as torcidas.

Gibson Azevedo disse...

Discordo frontalmente desta sua posição, caríssimo Diego Ivan. O ABC tem hoje uma situação invejável, até comparando com as equipes do sul do nosso país. No entanto, seus confrades norte-rio-grandenses, também não têm culpa dos desvarios de um louco que, até bem pouco tempo dirigiu a nossa nação, embebedando o nosso povo com palavras de ordem ocas, e com esmolas que a nada nos levará, às custas do erário público. Colocou-nos em dificuldades depois de executar o canto de sereia, com a falácia que a copa do mundo, no nosso quintal, seria a panaceia para a cura de todos os nossos males.
Você sabe perfeitamente, caríssimo,que eu sempre fui contra esta loucura. E a título de enxovalho, sempre disse que natal não tinha capacidade de sediar nem campeonato mundial de porrinha, quanto mais uma copa do mundo.
Acho que no estado atual de coisas, o Estádio Maria Lamas Farache está hábito e deve solenemente cumprir a sua função com a nossa sociedade. nada mais justo!
Agora, devemos alugá-lo a preço justo e coberto com todas as garantias, que as federações e confederações forem capazes de proporcionar.
Os Abcdistas conscientes sabem, que o mais querido não deve jamais entrar para a história do no futebol, com uma mancha de intransigente má vontade com a sorte dos seus co-irmãos
Isto não!!!!!!!!!!

Anônimo disse...

Um grande número de Americanos não querem que a sua Diretoria alugue o estádio do abc. Da mesma forma, um grande número de abcdistas não quer que seus diretores aluguem o estádio para o América.
Ambos torcedores estão, no fundo, prejudicando os seus clubes. Se o abc alugasse o estádio por 40 mil reais por jogo, poderia ter uma renda mensal extra de até 120 mil reais! Será que o abc não precisa desse dinheiro? O abc está se dando a um capricho que nem os ditos grandes clubes do futebol brasileiro se dão. Já os Americanos estão com o raciocínio de que "perco 10 para ele não ganhar 5". A utilização de um estádio que comporta um grande público ajudará financeiramente o América e aumentará o poder de pressão de sua torcida, contribuindo para uma boa campanha na série C.

Resumindo: "Quem pensa pequeno permanece pequeno..."

Lauro Duarte disse...

Também não concordo com o Sr. G ibson Azevedo. O ABC não deve ajudar co-irmãos (Alecrim ou América) em NADA !. NUNCA foram ditos co-irmãos quando a coisa era ajudar ao ABC F.C. Portanto, a recípocra NÃO deve ser verdadeira. Tanto o time vermelho quanto o time verde, sempre procuraram PREJUDICAR o ABC F.C., maior clube, maior torcida, maior estádio, do Rio Grande do Norte, sem meias-palavras. Co-irmãos somente quando estão precisando da ajuda do nosso ABC ?. Estamos fora !. Vão jogar em João Pessoa, Goianinha (aliás, Goianinha tem 99% de torcedores do ABC !), "aonde quer quer eu vá...", parodiando uma música. O FRASQUEIRÃO é do ABC F.C., não tem essa de CBF (toda cheia de corrupção), Federação, o escambal !. O FRASQUEIRÃO é só nosso, do ABC F.C. !. O vermelho e o verde são dois timinhos que para mim NÃO EXISTEM !. Como NÃO EXISTEM, não podem jogar no FRASQUEIRÃO !...