quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

2010 foi 100% ABC

Com gols de Cleiton e Marconi, o Vitoria venceu o ABC por 2 a 1 e se sagrou Campeão do Nordeste pela quarta vez. Para o ABC marcou João Paulo.

Antes de começar, eu não tenho nada a reclamar, nem nessa resenha farei isso. O ano de 2010 foi excelente, poderia ter sido perfeito, mas perfeição não existe de fato. Irei escrever hoje apenas observações que já havia feito aqui no Blog, que infelizmente culminaram na derrota desta quarta.

O jogo

O Vitória veio a Natal com um time de jogadores jovens, entrosados, mesclado com alguns jogadores que não serão aproveitados na Série A. Os baianos até que surpreenderam no primeiro tempo, quando aceitaram o jogo franco proposto pelo ABC. Mas a tática do adversário era apenas especular, pagar para ver, ou melhor dizendo, jogar no erro do ABC. Deu muito certo.

O ABC tentou sufocar o Vitoria no primeiro tempo, isso não aconteceu. Chegou com muito volume no ataque, mas não chutou no gol. Tentou chamar o adversário para o seu campo de defesa na tentativa de explorar os contra ataques, não foi efetivo. No segundo tempo o ABC não conseguiu usar os lados, ou mesmo fazer triangulações.

O resultado acabou por ser justo, o Vitória chegou no máximo três vezes e marcou duas vezes, o ABC pouco mais que sete ou oito chances de gol e só anotou um gol.

Desfalques ou reforços

Alguns encararam as ausências de Renatinho Potiguar, Jackson, Leandrão, Sueliton e Pio, como desfalques para esse jogo. Na verdade já se sabia desde agosto que o time do ABC para a decisão do Nordeste seria esse que entrou em campo. Como o período de inscrições se encerrou meses antes das finais, o ABC é que se reforçou para a Série C, não poderia se reforçar para o Campeonato do Nordeste. O time que jogou hoje foi o mesmo que venceu o Estadual.

Já havia alertado aqui no Blog, que se o ABC chegasse a final, teria que encarar a competição com um time que já havia chegado ao limite técnico e principalmente tático. Isso se refletiu na característica do jogo Alvinegro, que não mudou, principalmente por que não havia peças entre os reservas que modificassem a característica do nosso jogo. Durante foi a partida, Cascata, Ricardo Oliveira, Edson depois Lisa e Renatinho Carioca, foram anulados.

Estou satisfeito

2010 foi incrível, por mim o ano acabou um mês mais cedo. Quem for de festa comemora por que a Frasqueira tem direito. O Campeonato do Nordeste não veio hoje, mas virá. Até o Estadual 2011...

Ficha Técnica

Local: Estádio Frasqueirão.
Público: 13.130 presentes.

Arbitro: Charles Herbert Cavalcante Ferreira/AL.
Assistente 1: Pedro Jorge dos Santos Araújo/AL.
Assistente 2: Otávio Correia de Araújo Neto/AL.
4° Arbitro: Ítalo Medeiros de Azevedo/RN.
5° Arbitro: Luís Carlos Câmara Bezerra/RN.

ABC(1): Wellington, Edson (Lisa), T. Garça, Leonardo, Renatinho Carioca; Basílio, Ricardo Oliveira, Ewerton Cézar (Claudemir), Cascata; Ederson (Gabriel), João Paulo(1). Técnico: Leandro Campos.

Vitória(2): Lee, Leo, Alan, Dancler, Yuri; Vanderson, Esdras (Lucas Garcia), Marconi(1) (Leilson), Cleiton Domingues(1); Edson (Jackson), Schwenck. Técnico: Ricardo Silva.

2 comentários:

Luciano disse...

Tb estou stisfeito, mas o jogo serviu para constatar que renatinho carioca e edson são muito fracos, além do ewerton cesar.

Anônimo disse...

tou muito triste perder em casa para esse timeco de merda em casa foi uma vergonha!!!!!!!!!!