quarta-feira, 2 de setembro de 2009

Rapidinhas da manhã (02/09)

A combinação de resultados da rodada começa boa para o ABC.

Mais uma vez a rodada começa favorável para o ABC diminuir a distância que o separa dos demais adversários e da 16a posição da tabela.

Desta vez foi o Bragantino quem ajudou o Mais Querido ao vencer o Duque de Caxias por 1x0 em plena Baixada Fluminense.

No entanto, como em outras rodadas, essa ajuda será em vão se o ABC não fizer a sua parte.

Mesmo se o Duque tivesse ganho não seria motivo para desespero, pois a medida que os times mais acima da tabela vão perdendo gordura, o número de times para brigar contra a degola aumenta.

Para o ABC, quantos mais times estiverem próximos da zona de degola, melhor, pois assim uma simples vitória poderia galgar o Mais Querido a ganhar várias posições.

Mas esse tipo de raciocínio poderá ser mais interessante mais para frente.

Outra boa idéia da diretoria

Depois de tantos tiros no pé, a diretoria do ABC parece ter entrado nos eixos no que tange a buscar soluções financeiras imediatas.

Além da negociação de 500 quotas do passe de Wallyson a bagatela de R$ 1.000,00 (parece que já foram vendidas 100 cotas), a diretoria anunciou o aluguel de cadeiras cativas pelo prazo de 5 anos a um preço de R$ 1.000,00, com o benefício que no primeiro ano o locatário não pagará taxas de manutenção.

Enfim, são soluções simples e acessíveis, com potencial para gerar uma receita imediata.

2 postes no ataque?

Ao começar os preparativos para o jogo contra o Juventude, o técnico Flávio Lopes dar indícios de que a dupla de ataque será Júnior Negrão e Selmir.

Se essa formação se confirmar, será mais uma para o estoque de cagadas do treinador.

Os jogadores têm as mesmas características, são centroavantes que ficam muito na área, portanto é um erro primário colocar 2 jogadores com as mesmas características para ocupar um mesmo espaço.

Com a suspensão de Ricardinho e a contusão (e má-fase) de Ivan, o ideal seria João Paulo (que na minha visão deveria ser titular no ataque do ABC) e mais um.

Eu escalaria João Paulo e Júnior Negrão, que se não é o atacante dos sonhos, tem se mostrado mais eficiente que Selmir, pois já fez 2 gols. O que é muito, em se tratando do pífio ataque alvinegro.

Gustavo Lucena

Photobucket

4 comentários:

Abecedista disse...

Assino embaixo.

Abecedista.

Diego Ivan disse...

Abecedista

Só acho que o negocio principal do ABC é o futebol, se investir em outras coisas sem que o futebol receba o devido tratamento complica.

Por isso eu digo, pode até não vender, mas acho que seria melhor para o futebol se o ABC construisse um CT que atendesse melhor ao futebol

Gustavo

A muito tempo que clubes como Flamengo, Fluminense, Corinthians, Palmeiras e tantos outros discutem o final da área associativa, algum motivo deve ter. Não vejo como o ABC investir nisso de uma maneira que dê lucro. O exemplo do Clube América tá aí, todo ocupado e sem atividades regulares.

O terreno do ABC é valorizado, tenho a impressão que escapou de ser retalhado agora, da próxima não escapa. Por isso sugiro que se venda boa parte desse terreno, deixando apenas o estacionamento, além de um recuo para possíveis ampliações do estádio. Para que com o dinheiro o clube possa forma uma nova área para o futebol profissional, na região metropolitana da capital, São Gonçalo, Macaíba, Parnamirim e tantos outras cidades. Um trabalho realmente profissional de formação de jogadores.

Lembrando que o que dá dinheiro é o futebol, todo o resto somente suga.

Fernando Luna Jr disse...

Gostaria de propor uma troca de links. O www.vermelhodeluta.com é dedicado ao Clube Náutico Capibaribe, Recife/PE - Brasil.
Aguardo contato, e agradeço pela atenção.

Fernando Luna Júnior, Manaus/AM.
fernando@vermelhodeluta.com

Black Ace disse...

Sou contra a venda de área para pagar dívida. Esta roda viva da incompetência tem que acabar.
Assim é bom demais!!! foda o clube e depois pague com área.
E quando a área acabar???
como é que vai ser???